quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Resumindo (só sei que foi assim)...

Queridos amigos leitores deste blog, nosso último post sobre o projeto foi no dia 25 de julho. Nossa! Como isso foi acontecer? Tanto tempo sem falar das nossas crianças. Por isso resolvi escrever para explicar que durante este período foi mais ou menos assim:

Por causa da gripe suína (lembram-se dela?) paramos duas semanas. Depois disso foi uma correria. Algumas vezes o Tino não estava, outras vezes eu, mas o projeto aconteceu todos os sábados.

Então, vamos "rebobinar a fita" da memória e lembrar dos melhores momentos.

Em agosto, retornando das férias prolongadas, as crianças estavam com saudades e muito animadas - nós também. O dia quente, céu azul e a proteção da nossa árvore. E pra dar uma ajudinha, nada melhor que um bom livro.

O sol esquentou demais e nem os calaguinhos aguentaram ficar no jardim. O pátio da Creche Comunitária da Criança nos abrigou.
Disponibilizamos para a turminha a coleção de livros do PROJETO BEM ME QUER. Foi uma festa. A turma, atenta, ouviu nossa apresentação sobre o tema de cada livro e depois escolheram qual levariam pra casa.

Em setembro, de volta a nossa generosa sombra...

...os dias passaram com muitos passarinhos cantando e um descanso para os mediadores…

...pois as crianças leram muito pra gente. E nós gostamos muito de desfrutar desse interesse.

O livro do Tino, CADÊ O JUÍZO DO MENINO? chegou por aqui acompanhando de outros títulos presenteados pela EDITORA MANATI, que enriqueceu nosso acervo.

A mediação do livro CHAPEUZINHO VERMELHO dos irmãos Linn e David Roberts (Editora Zás Trás) fez o maior sucesso.

Outubro chegou trazendo muitos presentes…. A primavera, a chuva das flores, o dia das crianças… tudo comemorado com muita algazarra. Por causa da chuva, saímos do jardir e "acampamos" o projeto no pátio da Creche.

E não é que apareceu uma florzinha por lá. A Juliana - que há muito não aparecia no projeto - nos fez uma bela surpresa e trouxe a querida Maria Júlia para apresentá-la aos meninos. Festa total!! A fofura ficou super à vontade e encantou a todos.

E nós, que não somos bobos, aproveitamos a oportunidade passar e pedimos para Juliana contar uma história. Ela não se fez de rogada e prendeu a atenção de todos com seu repertório de contos populares.

Comemorando o Dia das Crianças entregamos os kits de livros do projeto Leitura para Cidadania - Livro Vivo doados pela editora Paulus.

A garotada ficou muito feliz com o presente.

Lembrando que no início e no final de cada encontro o Tino comandava a turma com muita cantoria. Músicas do nosso folclore, músicas do Tino e muitos brinquedos cantados. Com esta turma tão animada, o mês passou rapidinho.

A conhecida “chuva das flores” não parou… Apesar de podermos utilizar o pátio interno da Creche, às vezes ele era palco de reuniões com os professores e com os pais das crianças atendidas pela instituição, o que impossibilitava nosso trabalho. E com o coração apertado, no último sábado de outubro, resolvemos dispensar o grupo um pouco mais cedo este ano. Difícil segurar a emoção com tantos rostinhos tristes … Ninguém queria ir embora... Nem a gente…

As crianças partiram com a esperança de que retornaríamos logo. "Nosso" jardim, desta vez, ficou silencioso.

Hatuna Matata.

2 comentários:

Fátima Campilho disse...

Boa retrospectiva, Ana Paula!
Ainda não desenrolei!
Beijinhos

Edna Freitass - Assessoria Milenar disse...

hosso projeto é, NA PRÁTICA e, DE FATO, poesia pura!!!!!!!!!!!!!!